Medical English & Observação Hospitalar em Toronto, vamos?


Já pensou em aprimorar seus conhecimentos em inglês voltados para áreas de atendimento ao paciente? Então, a 6ª edição de nosso programa de inglês em Toronto é perfeita para você! Conheça aqui a experiência da aluna Gabriela Moura Freitas, estudante de medicina do 8º semestre do UniCEUB (Brasília), durante o Programa Acadêmico de Inglês para Áreas de Saúde. Ao final da matéria, conheça o passo a passo para que você também seja personagem dessa história.

Global Mission: Como você descreveria sua experiência durante as aulas de inglês com foco no inglês para áreas de saúde?

Gabriela Moura: Gostei muito das minhas aulas. A Prof.ª Linda tem uma didática muito boa! Ela é muito paciente com todos os estudantes. Durante as aulas, enriquecemos muito nosso vocabulário da área e também a pronúncia dessas palavras, que eram desconhecidas. Tínhamos sempre duas apresentações orais por semana sobre os conteúdos que estávamos aprendendo. Após nossas apresentações, a Prof.ª Linda sempre oferecia feedback, corrigia aspectos das nossas apresentações, incluindo a construção das ideias em inglês. Linda também tirava dúvidas previamente à apresentação, o que também é muito positivo. Aprendi muito ao longo das semanas e acredito que esse aprendizado me auxiliará muito futuramente na participação em palestras de congressos internacionais. Outro ponto que foi muito positivo em relação às aulas, foi o fato de a professora apresentar vídeos sobre as novidades da área de medicina, uma excelente maneira de engajar os alunos nas aulas.

Global Mission: Com relação ao conteúdo, você classifica como relevante os conhecimentos do curso? Nos diga um pouco de como o aprendizado impactou na sua jornada acadêmica.

Gabriela Moura: Os aprendizados que tive ao longo do curso definitivamente me ajudaram bastante, e são sem dúvidas imprescindíveis para conhecimento dos termos médicos. Acredito que eles foram primordiais para aprimorar meus conhecimentos e são muito relevantes para entendermos os artigos científicos da área, que em sua grande maioria são em inglês. Além disso, o que aprendemos em sala de aula foi muito relevante durante a semana de Observação no Hospital "SickKids".

Global Mission: Disserte brevemente sobre as visitas técnicas ofertadas no programa. Qual foi sua preferida e por quê?

Gabriela Moura: As visitas técnicas foram muito legais! Uma das que eu mais gostei foi a visita da Alzheimer Society de Toronto, tornando possível entendermos e nos colocarmos no lugar dessas pessoas. A palestrante da associação tinha uma didática muito boa e falava muito bem. Toda a dinâmica e experiência foi ótima. Outra visita que também fiquei muito impressionada foi a do Toronto Birth Centre, que apresenta uma estrutura incrível, com grandes diferenças em relação ao Brasil.

Global Mission: As visitas serviram como complemento dos aprendizados em sala de aula?

Gabriela Moura: Sem dúvidas! As visitas sempre tinham muita ressonância com os aprendizados em sala de aula, já que os sistemas aprendidos a cada semana correspondiam com as visitas técnicas que realizávamos nesse período. Quando fomos visitar os centros de maternidade, estávamos aprendendo em sala de aula sobre o sistema de reprodução feminino e ginecologia.

Global Mission: As visitas técnicas ampliaram seus horizontes e ideias sobre a prática da medicina? Se sim, de que maneira?

Gabriela Moura: Sim, com certeza! Ampliam e muito nossos horizontes, pois são coisas que podemos trazer para o Brasil, principalmente em relação a uma prática médica mais humanizada. Trazer essa prática para o Brasil ajudará e muito o campo da medicina no país.

Global Mission: Com relação à Semana de Observação no Hospital “SickKids”, disserte brevemente sobre ela. Como foi sua experiência durante esse período?

Gabriela Moura: Foi a minha semana preferida! Eu pude observar como funciona um hospital no Canadá e suas diferenças em comparação com o Brasil. O "SickKids" é um hospital muito humanizado, com profissionais muito bons, sempre dispostos a ensinar, ajudar e nos acompanhar durante a nossa experiência de observação no hospital. Pude acompanhar áreas que nunca tinha acompanhado antes no Brasil, como urologia e endocrinologia. Outra coisa muito boa dessa semana foi a independência que os profissionais nos proporcionaram, estimulando-nos a buscar os conhecimentos que precisaríamos durante os casos, o que é algo incrível para nos preparar para a vida profissional.

Venha conhecer os detalhes completos da 6ª edição de nosso programa e participar você também dessa experiência única de aprendizado.

Inscreva-se já!

5 passos para sua inscrição:

1. Realização do teste online (sem consulta) http://www.esc-toronto.com/onlineTest

2. Envio do resultado do teste para o e-mail globalmission@globalmission.com.br

3. Agendamento da entrevista por Whatsapp ou Skype (por gentileza nos informar seu telefone para contato)

4. Envio da ficha de inscrição preenchida e assinada (documento anexado)

5. Pagamento da taxa de reserva (cotação será enviada pelo nosso escritório)

Pronto! Sua vaga está garantida!

Confira também as entrevistas das estudantes Stéphane Quieregati (UNIMAR), Vitória de Lima Fernandes (ESCS) e Mariana Valério (Unisinos), que também partilharam conosco suas experiências em nosso programa.

Aguardamos o seu contato!

#Janeirode2020 #MedicalEnglish #Inglêsparaáreadesaúde #Idiomas #Intercâmbio #Inglês #HospitalquotSickKidsquot #Inverno #Canadá

100 visualizações

Instituições parcerias no Brasil:

unimar.jpg
intercambio-marista.png
0a246d3928fcc413a450059943c3b96c769d4296
cooplem.png
    Cultura-Francesa.jpg