Parceiros:

unimar.jpg
logotipo-unisul-vertical-colorido-decodi
0a246d3928fcc413a450059943c3b96c769d4296
    cooplem.png
    Cultura-Francesa.jpg
    Please reload

    Posts Recentes

    Programa de Verão para adolescentes em Toronto: Uma experiência para toda vida!

    October 16, 2019

    1/7
    Please reload

    Posts Em Destaque

    Estudante de Medicina da UNIMAR (SP) compartilha experiência de intercâmbio com Observação Médica em Toronto

    August 15, 2019

    Conhecer de perto a realidade hospitalar e de saúde em outro país é sem dúvidas o sonho de muitos estudantes e profissionais brasileiros, principalmente no Canadá, uma das referências mundiais em cuidados com seus pacientes. Conheça aqui a experiência da estudante Stéphanie Quieregati, 19 anos, aluna do 4º semestre de Medicina na Universidade de Marília (UNIMAR), que participou da 5ª edição do programa, uma iniciativa de nosso escritório, em parceria com a English School of Canada e o Hospital “SickKids” de Toronto.

     

    Venha conferir!

     

     

    Global Mission: Como você descreve a sua experiência durante as aulas? A Profa. Linda, responsável pelo programa, transmitia os conhecimentos de maneira clara e engajadora? Dê exemplos do que você gostou em relação à didática das aulas.

     

    Stéphanie Quieregati: As aulas foram ótimas, aproveitei bastante e aprendi muitas coisas que apliquei num segundo momento do curso, durante o período da observação no hospital “SickKids”. Afirmo com segurança que sem o conhecimento prévio, adquirido durante as aulas, eu não teria tido condições de aproveitar com a mesma intensidade a Semana de Observação.

    Ampliei bastante o meu vocabulário e o aprimorei, inclusive aprendendo a pronúncia correta de termos médicos em inglês. Tenho certeza que vou levar muito desses aprendizados para minha vida. Foi uma experiência sensacional e maravilhosa!

     

     

    Global Mission: Em relação aos passeios ofertados pelo programa, qual você mais recomendaria ou que lhe proporcionou melhor experiência? Por quê?

     

    Stéphanie Quieregati: O passeio que eu recomendaria de olhos fechados seria o de Ottawa porque tivemos a oportunidade de visitar mais lugares e também de montar nosso próprio cronograma, aproveitando cada lugar segundo as preferências do nosso grupo já que esse passeio foi fechado só para os integrantes do programa.

     

     

    Global Mission: Disserte brevemente sobre as visitas técnicas ofertadas no programa. Qual foi sua preferida e por quê?

     

    Stéphanie Quieregati: A minha visita preferida foi a Casa Ronald McDonald, pois foi a experiência que mais identifiquei proximidades com a nossa realidade, pois temos um local de atendimento parecido aqui no Brasil, mesmo que ainda diferentes em termos de estrutura.

    As visitas, como um todo, ampliaram muito meus horizontes e pude ver como o sistema de saúde funciona em outro país. Praticamente todas as visitas técnicas tiveram ressonância com os aprendizados em sala de aula, principalmente as visitas ao March of Dimes, Toronto Birth Center e Alzheimer Society Toronto.